sábado, 18 de outubro de 2008

Efeitos


Imóvel,quase morta no chão,a borboleta não se agüenta,ela quer levantar. O menino ainda pequeno,fita-a com surpresa e recolhe-a em suas pequenas mãos e no pensamento daquela gente pequena algo surge:ele fará a borboleta tornar a voar. Mexe,balança,machuca e desiste.Joga no lixo aquele bicho. Mas há algo maior dentro dele,fazendo com que suas pequenas mãos abram a lata de lixo e acolham com carinho o belo inseto e para a vida quase morta,escreve um versinho. Recita-lhe com inocência e na inocência da criança quem permanece é sempre a esperança. Recita uma,duas,três vezes e com um toque em suas asas,a borboleta começa a mexer-se,ele vibra e com um empurrãozinho de seus dedos,ela começa a voar e a dançar no meio do vento,do barulho lá fora e o sentimento de liberdade alcança o coração do pequeno e a alegria invade todo o ser ao saber que da sua poesia algo renasceu, e olhando para o alto onde já não mais pode ver sua borboleta,com um olhar sereno de ser pequeno,nasce um poeta.


Foto:http://www.anossaancora.org
Texto:Ana.

7 comentários:

Jesse Mendez disse...

Hi I am just looking through blogs and I found yours interesting and would like to invite you to become my friend. I have a mild art blog and I am always looking to make new friends, are you up to it?

I hope to see you soon, take care
Jesse

Dani Santos disse...

Muito lindo... da poesia nasce a vida. Da esperança, da crença nos sonhos, o amor...

jeffao_araujo disse...

lindo texto, de uma simplicidade rica e profunda.

|________Uerlle| || || |___| disse...

"saber que da sua poesia algo renasceu,"

As palavras podem ressucitar,fazer renascer!Lindoo o post!Amei!

Sarah Toledo disse...

e não é que a poesia tem mesmo esse poder? rs. acho que o feito não foi da borboleta, mas do menino...

lindo texto, como sempre, ana. a cada dia vc escreve melhor. =)

bjim.

Pri C. Figueira disse...

Ana,

Que lindo post, tão doce, tão puro!!
Suas palavras exalam uma doçura e uma pureza contagiante... fiquei sem palavras, fiquei a imaginar toda a cena descrita!!

"e olhando para o alto onde já não mais pode ver sua borboleta,com um olhar sereno de ser pequeno,nasce um poeta".

Lindo!!

Bjus

Mensagens da vida. disse...

Anaaaa perfeito esse aqui, ameeei.