sábado, 24 de outubro de 2009

Inundação



Ana desenhava com as unhas
um peixe no vidro da janela.
Imaginava que lá fora
tudo morasse num aquário
de nuvens,fumaça,sons,vento e sol.

Talvez fosse.Cabeça de quem sonha,vive mergulhando!


Palavras e desenho: Ana Raquel.

6 comentários:

Aline disse...

Perfeito minha querida amiga.

Dayane disse...

Quem sabe não somos todos peixinhos ^^!

paulo disse...

Ana está certa, mundo aquário o nosso. vida aquário. mergulho incansável para dentro de nós.

beijo meu

Armindo Kehl disse...

Quem me dera ser um peixe...

Ps: poderia alterar o link ali do lado? estou de blog novo... agora é akehl.wordpress.com

Grato!

Abração!

Dani Santos disse...

mergulhos... dessas aguas que somos feitos, dessa agua descendo em nossos olhos, dessas aguas nos invadindo... linda poesia e lindo desenho, Ana. que o sonho sempre se faça... que a criança nunca deixe de brincar em seu peito e embaralhar teus cabelos e sonhos... beijos.

Eduardo Trindade disse...

Ah, que bonito, Ana! Tão terno, tão simbólico e, como se não bastasse, com uma profundidade quase insuspeita. Gostei muito, de verdade!