terça-feira, 5 de abril de 2011



No meu universo Quixotesco, fui vento.
E você negou ser moinho.

4 comentários:

Poeta da Colina disse...

"Tudo bem, até pode ser, que os dragões sejam moinhos de vento... seja como for, seja por amor as causas perdidas.."
(Dom Quixote/Engenheiros do havai)

° Marrí disse...

A boca nega, o ato entrega..

Dani Santos disse...

Ana, Ana... tuas canções pequenas de amor e vento me fascinam. adoro como vc diz tanto em tão poucas palavras. parabéns, moça. e abraços sempre.

Rodrigo Tomé disse...

Nossa.