terça-feira, 7 de junho de 2011

Canção de inverno


"Sobrepomos os pedaços
das várias asas 
que nos tornaram pássaros.
Asas claras, porém tristes
pois nem todo voo
contempla o céu azul."



Um comentário:

Ilczuk disse...

Tens razão
E não
Caríssima Ana Raquel
Pois todo voo
Ainda que no papel
É por definição
Uma promessa de céu